Buscar em todo o site

Somente em agenda

Somente em comissões

Somente em galerias

Somente em publicações

Somente em setores

Somente em subseções

Com ajuda da OAB/RO, falso advogado de Seringueiras que atuava na Subseção de São Miguel do Guaporé é preso pela polícia

Página Inicial / Com ajuda da OAB/RO, falso advogado de Seringueiras que atuava na Subseção de São Miguel do Guaporé é preso pela polícia

Contra o falso advogado havia muitas denúncias de exercício irregular da profissão, como falsificação de documentos públicos e aliciamento de clientes

Em ação conjunta com a Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional Rondônia (OAB/RO), a polícia conseguiu prender, depois de alguns meses de investigação, um falso advogado que atuava irregularmente na comarca de São Miguel do Guaporé. O presidente da Subseção local, Admir Teixeira; e o promotor público Jônatas Albuquerque Pires Rocha acompanharam as diligências para tirar de circulação o infrator que já tem passagem pela delegacia de Seringueiras por outro tipo de delito. Contra o suposto criminoso havia muitas denúncias de exercício irregular da profissão, falsificação de documentos públicos e aliciamento de clientes que se interessavam em receber benefício previdenciário pago pelo INSS.

Nas suas ações ilícitas, o falso advogado não portava carteira de identificação da OAB e era constantemente visto na sede do INSS em São Miguel do Guaporé, acompanhando seus “clientes”.

“Quero aqui registrar a grande atuação de fiscalização da nossa Seccional, por meio da Subseção de São Miguel, que não tem medido esforços no sentido de impedir o exercício ilegal da profissão”, destaca o presidente da OAB/RO, Andrey Cavalcante.

O presidente da Comissão de Fiscalização do Exercício Profissional da OAB/RO, Luiz Flaviano Volnistem, ressalta que os trabalhos em Porto Velho e no interior do estado continuam, para que o cidadão não seja lesado por falsos profissionais. “A Seccional não pretende parar com a fiscalização junto àqueles que se passam por falsos advogados. Esse é um trabalho feito em todo o estado”.

Admir lembrou que atuam na comarca de São Miguel do Guaporé aproximadamente 40 advogados. “Constantemente, a entidade promove encontros com seus filiados para discutir formas de patrocínio que preserve a ética profissional e a correção de atividades ligadas a vários ramos do direito. Tudo isso feito com união e contra atividades antiéticas”, salienta.

Assistência jurídica correta
O acompanhamento do advogado para representar o cliente junto ao Poder Judiciário é muito importante. Isso pode proporcional sucesso em uma demanda na Justiça, uma vez que o profissional conhece as leis postas à disposição daqueles que buscam seus direitos em uma ação.

Fonte da Notícia: *Com informações do site Planeta Folha

Mais Publicações

Acessos Rápidos

Mateus Brasil responsável

69 3217-2122 telefone
Cristiane Lima responsável

69 3217-2112 telefone
Ana Flávia responsável

69 3217-2112 telefone
Luana Maia responsável

69 3217-2108 telefone
Alexia Alves responsável

69 3217-2113 telefone
Jaqueline Freitas responsável

69 3217-2114 telefone
Alexia Alves responsável

69 3217-2113 telefone
Marcelo MarquesShirley Vasconcelos, responsável

Ana Cristina, Amabile Casarin,Sarah Silva,Taciana Guzman, responsável

Cristiane Lima responsável

69 3217-2112 telefone
Khenia Medeiros responsável

69 3217-2103 telefone
Elisângela Oliveira responsável

69 3217-2101 telefone
Elisângela Oliveira responsável

69 3217-2100 telefone
Leandra Nomerg responsável

69 3217-2110 telefone
Jessica Delai responsável

69 3217-2124 telefone
Daniel Nevony responsável

69 3217-2121 telefone
Isa CarneiroIrlene França,Rosa Brilhante, responsável

Elen RodriguesJane Paulino, responsável

69 3217-2123 telefone